ANÚNCIOS
ASSINE NOVIDADES
INSCREVA-SE!
  • Carol Capel

Ferrari Land - Vale à Pena?

Atualizado: 21 de Abr de 2018

Oi galera, tudo bem?

Desde a inauguração do Ferrari Land no PortAventura em Salou na Espanha eu venho seguindo o parque no Instagram e morrendo de vontade de conhecer o parque. Confesso que não era minha prioridade na Europa visitar esse parque em primeiro lugar, mas depois que o tédio me venceu ali naquele fim de mundo que eu estou morando, resolvi pegar um Vôo de última hora e tentar a sorte indo ao parque na Espanha. 

O parque é bem pequeno, possui 8 atrações no total, mas o que é ótimo é que ele é super barato. Paguei 55 Euros pelo Ferrari Land + o PortAventura no mesmo dia. Eu fui logo na primeira semana do ano e o parque estava vazio, não sei se em outras épocas do ano você teria a mesma sorte. Minha maratona para chegar em Salou:


Chegando no parque você é recepcionado pela entrada com duas Ferraris e um portal bem legal para tirar algumas fotos. Teria sido ótimo também se eu tivesse encontrado alguém gentil o suficiente para tirar uma foto minha. R.I.P. gentileza americana. Isso definitivamente não existe na Europa (salvo alguns lugares que fui). 


Ao entrar fui correndo experimentar a famosa Red Force que é a grande atração do parque. Ela é igual a Dragster que fui no Cedar Point com uma pequena diferença: 20 metros menor e alguns quilômetros por hora mais lentos. Não que isso fizesse muita diferença na diversão, mas para quem gosta de velocidade e de montanha-russa, faz.


🚙Atrações:

A Red Force tem três tipos de filas: Express, Normal e Single Rider. Eu fui na Single e não demorei nem 5 minutos para que me sentassem no primeiro carrinho. A moça vem com óculos de proteção para que você coloque. Isso se deve àquele incidente onde o rapaz foi atingido por um pombo na volta inaugural da montanha-russa no primeiro carrinho. Eu fiquei horrorosa com aquele óculos (mais do que já sou), melhor assim do que ser atingida por um pombo, não é mesmo?

A Red Force é super estável e eu fui nela duas vezes seguidas. Achei bem legal a experiência apesar de, como disse antes, ser bem mais fraca em comparação com a Dragster.

Saindo da Red Force fui experimentar os simuladores que me falaram por direct no Instagram que era bem legal. O primeiro simulador é o Flying Dreams, ele é idêntico ao Soarin´ do Epcot porém em paisagens mais européias. Apesar de que voei por cima de NY também nele e bateu aquela saudade da Estátua da Liberdade. A tecnologia dele é bem legal e você vai acompanhando uma Ferrari durante a estrada toda.

Saindo dele fui no outro simulador que fica bem ali ao lado, é um simulador onde você irá correr nas pistas de cada época até chegar ao futuro, chamado Racing Legends. É uma forma de mostrar a evolução da marca Ferrari ao longo dos anos. Esse daqui não achei muita graça não, mas como estava vazio eu fui.

A outra atração são as torres de propulsão. Achei bem legal apesar de ser muito pequeno. Poxa vida Ferrari, faz uma maior do mundo aí? Pois é, não tele jeito. Era pequena mesmo.

Tem também um pequeno “kart” ali chamado Maranello Grand Race, ele é idêntico ao kart que tem dentro da Disney no Magic Kingdom, onde você dirige por uma pista pré-estabelecida, não tem muita emoção não então nem fui. Preferi partir para o PortAventura que têm mais atrações.


Atrações infantis:

Além dessa atração do Kart que é recomendada para crianças existe uma outra que é um Kart júnior bem similar ao que existe na Legoland onde as crianças podem pilotar pequenos carrinhos.


A Atmosfera do Parque:

A decoração é bem bonita, você se sente na Itália (de volta, saí da Itália para ir para a Espanha, cheguei lá encontrei a Itália de novo). Existe uma pequena réplica do Coliseu ali e alguns restaurantes estilo italianos mesmo para almoçar.

Você também encontra uma pequena gelateria que vende alguns sorvetes de marcas conhecidas. Como Nestlé, mais uma vez nada de extraordinário na comida.

Durante a época das festas de fim de ano você também encontra um pequeno showzinho na praça central e você pode ter a experiência de fazer um Pit Stop real em um carro da Ferrari que fica bem embaixo da Red Force.


Nota do parque:

Eu diria 4 estrelas pela limpeza e temática, 1 estrela para a quantidade de atrações e 4 estrelas pela segurança e preocupação com o bem-estar do visitante.

Curiosidade: Vocês sabiam que a Disney antes de comprar o terreno para construir a Disneyland de Paris estava pensando em comprar o terreno de onde é hoje o PortAventura?

Uma lástima eles não terem comprado porque o PortAventura vive cheio o ano todo e a Disneyland de Paris é um dos maiores fracassos da Disney e dá prejuízo financeiro todos os anos.

Bom é isso galera. Se seu visto pros EUA foi negado e você quer muito andar em uma montanha-russa estilo a Dragster do Cedar Point, o Ferrari Land é uma opção viável. Endereço: Avda de l'Alcade Pere Molas, Km 2, 43480 Vila-seca, Tarragona, Espanha Horário de Funcionamento: Consulte o site