ANÚNCIOS
ASSINE NOVIDADES
INSCREVA-SE!
  • Carol Capel

Como é viajar de RyanAir?

Atualizado: 21 de Abr de 2018

RyanAir - Mendigos da Aviação (joguei meu dinheiro no lixo)

Eu já viajei em muitas cias aéreas pelo mundo e nunca vi nada parecido com o que a RyanAir faz. Que eu me lembre foi: TAM, Avianca, Gol, Spirit, United, TAP e Alitalia, mas certamente a RyanAir superou minhas expectativas negativas. Infelizmente essa cia é uma das pouquíssimas que possui vôo direto para vários países da UE. 

Tudo começou quando tivemos a brilhante ideia de mudar para Portugal. A ideia era ficar mais próximo do meu público, morar em um país onde tudo é barato e eu comprei uma passagem de última hora para o dia seguinte no Google Flights Malpensa (Milão) - Porto (Portugal). Essa passagem me custou 150 euros. Eu peguei aquela com Upgrade, na qual você tem direito a 1 mala despachada, embarque preferencial e estresse pago.  Era véspera da minha viagem e eu recebi um e-mail dizendo: Evite pagar 50 euros, faça agora mesmo seu check-in online. Eu estava no meio da estrada fazendo uma caminhada e pensei, como vou despachar a mala se eu fizer o check-in online?  Fui perguntar para uma amiga minha que é formada em turismo, que reside em Barcelona e já viajou de RyanAir. Ela me disse que eu tinha que fazer o Check-in Online e imprimir o comprovante do Check-in porque eles não aceitam na tela do celular. Primeiro problema! Porque eu não tenho nem internet direito no fim do mundo onde moro, quem dirá impressora.  Além disso ela me contou uma coisa que eu não fazia ideia que existia. Ela me disse que antes de embarcar se você vai viajar com seu passaporte que não seja estrangeiro você precisa carimbar o seu passaporte para verificar que você é legalizado dentro da União Européia. Daí eu já achando isso um absurdo tremendo perguntei por quê.  O que ela me disse me deixou ainda mais chocada! Caso vocês não saibam, quem está ilegal e é deportado de algum país quem arca com os custos do Vôo de “volta” é a cia aérea onde você tinha comprado a passagem aérea.  Basicamente funciona assim, se você está ilegal na Itália e vai viajar para a Inglaterra por exemplo. Se você for parado pela imigração e deportado. Não importa qual a sua nacionalidade, você vai ser deportado para a Itália, porque é de lá que você saiu. E quando você chegar na Itália, por exemplo, as autoridades italianas decidirão o que fazer com você. Em poucas palavras é assim que funciona uma deportação.  Então para que e a RyanAir não arque com esse custo da passagem de volta você tem que se apresentar em uma salinha onde você efetua a compra do ticket, apresentar seus documentos e pedir que eles aceitem.  Meus documentos são italianos, se eu estiver fora da Itália por exemplo e o atendente do guichê não entender a língua daquele documento apresentado, ferrou!  Continuando, o vôo não é reembolsável. Você pode adiar ele, mas nunca pegar seu dinheiro de volta. Além disso eles atrasam em quase que 200% das vezes.  Okay, chegou o dia da minha viagem e eu já estava mega feliz (só que não) de ter que sair de casa às 13h para chegar em Portugal só as 23h, peguei a via sacra até o aeroporto: Um ônibus, 2 trens (só faltou o barco mesmo). Chegando no aeroporto aquela dor de cabeça básica no check-in por eu não ter uma impressora em casa, depois o bendito do carimbo na passagem, pois a salinha estava abarrotada de gente, dentre as pessoas, centenas de refugiados tendo problemas com seus documentos.  Consegui o bendito do carimbo.  Chegando na sala de embarque, cadê o vôo?  Não tinha! Fiquei mais de 2 horas esperando confirmarem o portão de embarque. Nada de confirmar. Ah e não vamos esquecer que eu já paguei 200 euros por essa passagem okay?  150 de vôo + 50 de check-in. E acabei levando minha mala comigo.  Eu já tinha lido que nessas cias econômicas você paga por tudo. E já tinha voado de low-cost nos EUA e eu pensando que Spirit era ruim. 

Ao chegar no Vôo uma confusão do capeta. Trocaram a gente de portão umas 20 vezes. Sério, era melhor ter ido de busão. Desisti! Sério, ninguém merece passar por isso. Comprei uma passagem para o dia seguinte de TAP que também foi o mesmo preço 150 euros e também foi uma porcaria.  Ou seja? Opções? Não temos mesmo.  Vou falar sobre o Vôo da TAP em breve no próximo post, por enquanto eu só tenho a dizer que: O barato sempre sai caro. Nesse caso eu não comprei a passagem por ser barata e sim por ser o único bendito vôo direto.  Depois desse stress todo eu tenho a dizer que: Não compre vôo na RyanAir, barato ou caro. Direto ou com conexão. É uma porcaria. Sem contar as outras histórias absurdas que já ouvi da cia. Enfim, #ryanair me processa pelo post.  Conclusão: é péssimo, eles são o que costumamos chamar de mendigos da aviação. Querem economizar em tudo e você acaba pagando pela falta de estrutura deles. Além do que não posso deixar de mencionar o fato de os funcionários viverem em greve por causa de atrasos no pagamento. Fechem as portas e estou revoltada de verdade.  Beijos e até mais.

Carol Capel

1 comentário